quinta-feira, 24 de julho de 2008

Império fala: queremos reforços!

Carta aberta à diretoria


Curitiba, 24 de Julho de 2008.


Neste jogo contra o Ipatinga, ficou visível a necessidade de qualificar nosso elenco. Foi um jogo de baixo índice técnico das duas equipes, só que o Ipatinga é o lanterna do campeonato e jogou fora de casa.

A torcida fez sua parte, compareceu em bom número, numa quarta-feira à noite, com frio e chuva, e a torcida incentivou o Coxa durante os 90 minutos. Este foi o ponto positivo do jogo, além do gol do Paraíba, é claro.

Com os três pontos na tabela, o Coxa continua em uma posição intermediária, o que de certa forma, nos dá uma condição de tranqüilidade. Mas voltamos a repetir: se realmente queremos algo a mais neste campeonato, necessitamos de reforços. E "Pra ontem!"

Mas são reforços, bons jogadores que venham pra ser titulares e pra melhorar o nível técnico do time Coxa e resolver as partidas, tornando o time um time de alto nível como foi prometido para o torcedor pela diretoria.

A Império sempre estará ao lado do Coritiba, incentivando e demonstrando todo seu amor ao nosso clube, quer seja no Couto Pereira, ou em qualquer outro estádio do Brasil, só que cobraremos sempre um algo a mais das pessoas que representam o Coritiba (jogadores, comissão técnica e dirigentes).

Exigimos que o Coritiba lute sempre por títulos e é neste sentido que estamos fazendo está cobrança, mesmo quando da vitória.


A Diretoria da torcida Império Alviverde

Socorro!

Socorro!

Luiz, socorro, pelo amor de Deus!!! Quais as chances disso dar certo?

Compartilho abaixo, e-mail que troquei com um colega viciado em futebol, como nós, porém santista (ele é de lá).

Mostrei pra ele o Coxanautas, depois o que ele mandou esse da torcida do Santos.

Deus nos acuda!

Comentários dos santistas em relação ao Evaldo no Coxa. Tirado do site www.santistaroxo.com.br

PASSAGEM CURTA: ZAGUEIRO EVALDO NO CORITIBA

Roberto Zacharias

Já foi tarde.

Reinaldo Benetti

A ida do que nunca deveria ter vindo.

Sharlene Sarti

kkkk pô..eu moro em Ctba e sempre tive simpatia pelos coxinhas..mas Evaldo..oh dó rsrsrs ninguém merece esse pereba rsrs eu gosto do Leão..mas essa pérola aí tinha que passar há km longe da Vila

SERGIO GOMES VASQUES

tsc,tsc....Pobre Coritiba!

ricardo cleber rodrigues maciel

vai tarde ruim demais indicação do leão né.....quero mudar um poko de assunto aqui e dizer q se a nossa magnifica diretoria nãos e mexer vai ficar dificil precisamos de dois volantes para titular um meia-direita e um atacante segue ai as indicações: marcelo mattos e mineiro para volantes meia-direita celsinho pq todos sabem q o santos só joga pela esquerda com kleber,molina e michael time penço e na direita nada no ataque vamus urgentemente atras do VAGNER LOVE ai fariamos um time muito bom. abraços

Leandro Machioni Hermann

Mais um reforço pra gente, a saída desse cabeça de bagre. Parecia que jogava de patins. Vai tarde.

Cláudio Machado Junior

"liberação amigável"?!?!? põe amigável nisso!! o coritiba demonstra ser um verdadeiro co-irmão levando embora o sensacional evaldo!!!

Rodrigo Soares

Vai tarde.. Só fez cagada!

Renato Martins Bueloni

Finalmente foi-se.É muito provável que o Santos vai pagar parte dos seus salários,pois se ganhava R$100,0 mil,o Coritiba nunca iria pagar um salário desses para nenhum jogador,como ele tem contrato até Dez/2008,se ficasse só treinando o Santos teria que pagar o salário integral.Se o Santos não precisar pagar nada,foi um grande negócio.

Carlos Eduardo Cunha

Não duvido que com ele ocorra o mesmo que está acontecendo há 3 anos (desde a parceria luxa/MT) e que o Santos não ganhe nada na transação.

Paulo Gonçalves Silva

Shoulda gone before he left! Tradução: "good riddance!"

Walter de Arruda Camargo

Estada curta, ruim e triste. Não lembro de um zagueiro dito profissional, tão atarantado dentro de campo. RIP!

Leandro dos Santos

Boa viagem!

Diogenes Henrique de Castro

acho que ele não teve espaço, mas confio na avaliação do Cuca. Se não servia aqui, tchau!


Gustavo Goose

xxx

Quer opinar no blog 'A torcida que nunca abandona'? É simples: envie um e-mail para luiz@coritiba.com com a sua opinião


Torcer por torcer, só pelo Coritiba!


Torcer por torcer, pelo simples prazer de torcer, só pelo Coritiba.

Não torço pelos dirigentes por eles serem gente boa, serem esforçados ou por serem abnegados que nada ganham em prol da causa Coxa. Poderiam e deveriam se profissionalizar para trazer melhores resultados. Nada mais justo. Mas não é por que não são profissionais que merecem passar incólumes às críticas.


O fato é: foram eleitos por serem candidatos. Ao serem candidatos, aceitam naturalmente o ônus e o bônus do cargo. É assim a regra, simples.

Não se trata de criticar o que foi feito de certo. E sim, de criticar o que não foi feito ou o que foi feito de errado. Quero o melhor para o meu time, não para a imagem dos dirigentes, independentes de quem eles sejam.

Ao criticar os erros dos gestores do Clube, não critico a instituição. Esta, o Coritiba, é inabalável, não tem erros, é perfeita. Já as gestões são imperfeitas, característica humana.

A grande sacada é o dirigente saber conviver com as críticas e fazer delas um ponto de partida para a melhoria.

Este tipo de análise vale para qualquer dirigente do Coritiba.

Agora, os eleitos são os do grupo de Jair Cirino e Tico Fontoura. Nada mais justo que eles sejam os avaliados. Elogiados quando merecerem, criticados quando merecerem.

Não é porque critico que torço contra. Pelo contrário. Ao se criticar o que está errado não se desvaloriza tudo o que está certo. E, também, não está prejudicando a imagem da instituição. Separar o Coritiba dos atos de seus dirigentes é algo elementar.

Este discurso de amadorismo pela causa vai na contra-mão do conceito proposto pelos eleitos, quando de suas propostas de campanha: vamos profissionalizar o Clube. Pois bem, ótimo, podem começar.

Só não usem o argumento (velado ou não) de que são amadores para isentar seus erros. Não funciona. Pior, em nada mudará a situação do Verdão.

Torcer por torcer, só pelo Coritiba! Não sou porta-voz de diretor, não sou relações públicas, não sou ativista político de grupo político algum neste Coritiba. Sou é torcedor de coração do Coritiba.