quarta-feira, 10 de setembro de 2008

K9 não fica em 2009. Palavras de Cirino

É definitivo: Keirrison não continuará no Coritiba no ano do Centenário do Clube. Quem afirma é o próprio presidente do Clube, Jair Cirino, em entrevista ao site Justiça Desportiva. Confira:

JD - Para os cem anos de clube, a expectativa é manter o atual elenco? Existe a possibilidade de algum jogador renovar ou sair no fim do ano?
Jair Cirino - “Para o próximo ano, o que é certo efetivamente, é a saída do jogador Keirrison. Ele é um dos grandes jogadores do time e também do futebol brasileiro, já manifestou o seu interesse de terminar o Campeonato Brasileiro e não renovar com o Coritiba, porque ele tem propostas do futebol brasileiro e do exterior. Nós fizemos a opção política de não renovar. Mas a projeção da Diretoria é de manter um time forte. Nós não queremos vender jogadores e sim comprar jogadores à altura da grandeza do Coritiba.”

JD - Há a esperança de receber alguma compensação pela saída do jogador?

Jair Cirino - “Nós, entre vender o Keirrison antes do término do campeonato e receber algum dinheiro ou não vende-lo e lucrar com a sua presença em campo, nós optamos pela segunda hipótese. Temos ciência de que ao término do contrato, extingue o vínculo, ele estará liberado para assinar com outro clube sem nenhuma vantagem material. Mas ele trará vantagens com vitórias e alegrias ao torcedor do Coxa.”

JD - Existe alguma possibilidade do Coritiba fazer alguma parceria e conseguir manter o jogador no Couto Pereira?

Jair Cirino - “O Keirrison, hoje, é a grande preciosidade do Futebol Brasileiro. Eu acredito que atualmente, no Brasil, não existe um atleta com as condições do Keirrison. Por maiores que sejam as parcerias, seria muito difícil manter no Futebol Brasileiro.”

Nenhum comentário: