sexta-feira, 11 de julho de 2008

Fim dos jogos com portões fechados

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva deliberou sobre o fim da punição com jogos com portões fechados aos torcedores. A notícia foi veiculada no site do próprio STJD.

Confira o texto do site do tribunal:

"O Procurador-Geral do STJD, Dr. Paulo Schmitt, entrou com o pedido de Tutela antecipada, pois entende que a punição com portões fechados e o pagamento de multa por atraso, com previsão no regulamento, seria um grande prejuízo aos clubes. Dessa forma, os clubes teriam dupla punição: a perda do mando de campo, o jogo com portões fechados e a multa por atraso prevista no CBJD, o que pode gerar atrasos nos salários de jogadores, funcionários e prejuízos.

A Procuradoria do STJD também entende que, com a adoção do Código Disciplinar da Fifa, o Regulamento Geral de Competições (RCG) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) teria se tornado ilegal na parte que prevê a realização de partidas com os portões fechados.

Desde que a liminar foi deferida pelo Presidente do STJD, Dr. Rubens Approbato, as perdas de mando de campo por parte dos clubes têm sido pagas em estádios que não são os seus, mas com a presença de público, como manda o artigo 54 do RGC, o qual determina que as punições sejam cumpridas em estádios a, no mínimo, 100 km do local onde se originou o problema, com venda de ingressos".

Nenhum comentário: